Baraúnas joga mal desperdiça pênalti e somente empata com o Alecrim

Empate em 1 a 1 impede do Baraúnas se igualar ao Potighuar na liderança do turno. Foto: Edinaldo Moreno

O Baraúnas não fez um bom jogo diante do Alecrim e apenas empatou em 1 a 1 na estreia da Copa Rio Grande do Norte, equivalente ao segundo turno do Campeonato Estadual. O resultado não agradou em nada o torcedor do tricolor que ao apito final do árbitro Tarso Rocha ensaiou uma vai aos jogadores.

O placar poderia ter sido outro se os donos da casa não tivessem perdido um pênalti logo no primeiro minuto do segundo tempo quando a partida ainda estava em 1 a 0 para o Leão do Oeste.

O gol do Baraúnas foi marcado aos 20 minutos da etapa inicial através do meia Beleu após boa jogada do lateral Alexsandro, que passou por três jogadores dos visitantes e passou a bola para o camisa 10 baraunense.

Beleu poderia ter ampliado logo no início da etapa complementar. Ele desperdiçou um pênalti no primeiro minuto do segundo tempo. O goleiro Messi defendeu a cobrança no canto direito.

Dois minutos depois veio o gol de empate do Alecrim com o artilheiro da competição estadual. Leo Bahia penetrou na área tricolor e na saída do goleiro Érico mandou a bola no canto esquerdo dando números finais ao confronto.

Mesmo desordenado, o Baraúnas ainda criou algumas oportunidades de gol, mas não obteve êxito em finalizar as jogadas com a bola na rede. A última grande chance de gol esteve nos pés do volante Yago. Ele dominou a bola no peito e da entrada da área chutou forte para grande defesa do goleiro Messi.

O empate deixa as duas equipes com um ponto ganho, atrás do Potiguar, que venceu na estreia o Assu, por 2 a 0, na última quinta-feira, 9.

O próximo jogo do Baraúnas na Copa RN será o clássico diante do Potiguar no próximo sábado, 18, às 17 horas, no estádio Nogueirão. Já o Alecrim pegará o Globo nesta quarta-feira, 15.

Jogo

1º tempo

Aos 02 minutos o Alecrim chegou com perigo. Dayvid cobrou falta da direita para a esquerda e o atacante Balotelli dividiu com o goleiro Érico a bola na peqeuna área. O jogador do tricolor ficou com a bola evitando o gol dos natalenses.

Aos 03 minutos, novamente em cobrança de falta, desta vez, o lateral-direito Augusto assustou o goleiro Érico. Ele cobrou falta da esquerda para a direita e o arqueiro desviou a bola, que quase o encobre quando do toque no chão.

Aos 04  minutos o Alecrim chegou novamente com perigo e o goleiro Érico teve de sair nos pés do jogador Edson. O arqueiro leonino chegou primeiro do que o atleta alecrinense em uma bola enfiada no meio da zaga tricolor.

Aos 10 minutos o meia Moisés recebeu passe de Balotelli, mas na hora do chute errou por muito e mandou a bola longe do gol de Érico.

Aos 15 minutos Beleu ganhou do lateral-esquerdo Dayvid pela direita do ataque do do Baraúnas. Mas na sequência da jogada ele cruzou e a bola passou por toda a extensão da grande área.

Aos 17 minutos Beleu cobrou falta com perigo e o goleiro Messi afastou a bola de soco.

Aos 18 minutos o zagueiro Nildo foi traído pelo toque da bola no gramado e proporcionou um lance de perigo para o Alecrim. Balotelli tentou o passe para Leo Bahia, mas a bola tocou no braço do zagueiro Luís Henrique e o árbitro marcou falta e aplicou o cartão amarelo no jogador leonino.

Aos 19 minutos Moisés bateu falta com perigo e Érico agarrou a bola no centro do gol sem rebote.

Aos 20 minutos o lateral-direito do Baraúnas Alexsandro fez boa jogada pela direita e passou a bola para Beleu, que tocou no canto esquerdo do goleiro Messi para fazer o primeiro gol do tricolor mossoroense na partida.

Aos 24 minutos o ALecrim quase empata a partida. O lateral-esquerdo Dayvid cobrou falta e a bola bateu na barreira. Edson não deixou a bola sair e mandou para o meio da rede. O goleiro Érico subiu junto com o atacante Balotelli e afastou a bola da pequena área leonina.

Aos 38 minutos Leo Bahia fez boa jogada pela direita e cruzou para a área. A bola chegou até o lateral-esquerdo Dayvid que cabeceou fraco para a defesa do goleiro Érico.

Aos 39 minutos Dayvid teve outra oportunidade de gol. Ele limpou a jogada e da entrada da área chutou forte, mas a bola passou à esquerda do goleiro Érico.

Aos 41 minutos Fabiano cobrou muito mal a falta e proporcionou contra-ataque para o Alecrim. Leo Bahia desceu pela direita e cruzou para a área. A bola chegou até Moisés que chutou, mas foi travado pelo zagueiro Luís Henrique, que evitou o gol de empate alecrinense.

Aos 43 minutos outro lance de perigo para o Alecrim. Augusto cobrou falta e a bola foi desviada. O zagueiro Geilson, na pequena área, escorou a bola, que passou por cima do gol, mas o auxiliar Rômulo Bruno assinalou impedimento do atleta.

Aos 45 minutos o lateral Augusto, que levava perigo ao goleiro Érico cobrando falta, cobrou outra e a bola passou à esquerda da meta defendida pelo Paredão tricolor.

Aos 46 minutos o árbitro Tarso Rocha encerrou o primeiro tempo.

2º tempo

Logo aos 40 segundos de jogo o Baraúnas teve um pênalti ao seu favor. Beleu recebeu belo passe e foi derrubado dentro da área pelo lateral Dayvid.

A 1 minuto de jogo Beleu bateu no canto direito e o goleiro Messi defendeu a penalidade evitando o segundo gol leonino na partida.

Aos 3 minutos o artilheiro do Estadual não desperdiçou a primeira oportunidade de gol dele na partida. Ele recebeu passe e de dentro da área mandou no canto esquerdo de Érico empatando para o Alecrim.

Aos 13 minutos Beleu quase marca o segundo gol do Baraúnas sem querer. Yago pegou a sobra e chutou. A bola iria pela linha de fundo, mas bateu no meia leonino e quase encobriu o goleiro Messi que mandou a bola para fora.

Aos 16 minutos ago recebeu a bola na intermediária. Ele arriscou de longe a bola subiu muito sem nenhum perigo para Messi.

Aos 16 minutos Leo Bahia desceu pela esquerda e dividiu a bola com o zagueiro Luís Henrique. O goleiro Érico quase ia sendo surpreendido e mandou a bola para escanteio.

Aos 23 minutos Caio Dittmar errou o cabeceio e mandou a bola longe do gol de Messi após jogada de Fabiano pela esquerda.

Aos 39 minutos Augusto cobrou outra falta com perigo e o goleiro Érico defendeu no meio do gol sem oferecer rebote.

Aos 46 minutos Messi fez uma grande defesa evitando o segundo gol do Baraúnas na partida. Yago dominou a bola no peito  dentro da grande área e chutou forte. O arqueiro alecrinense espalmou o chute forte do atleta leonino. Em seguida Gabriel Maia foi pego no impedimento.

FICHA TÉCNICA

Jogo: Baraúnas 1×1 Alecrim

Rodada: 1ª da Copa Rio Grande do Norte

Local: Nogueirão, Mossoró

Data: 12.03.2017

Horário: 17 horas

Árbitro: Tarso Rocha Lula Pereira

Auxiliares: Rômulo Bruno Campos Alves e Bruno Eduardo da Silva Trindade

Gols: Beleu 20′ (1º) (2º), Leo Bahia 3′ (2º) (ALE)

Renda: R$ 6.026,00

Público: 317 pagantes

Amarelos: Luís Henrique (BAR), Nildo (BAR), Ferreira (BAR), Balotelli (ALE)

Vermelho:

Baraúnas: Érico; Alexsandro (Rony), Nildo, Ferreira e Luís Henrique; Yago, Ítalo, Fabiano (Eduardo) e Beleu; Gabriel Maia e Romário (Caio Dittmar). Técnico: Ronaldo Bagé

Alecrim: Messi; Augusto, Marcão, Geilson e Dayvid (Cícero Matheus); Carlos Mipibu, Edson (Rafael Potiguar), (Xilu) e Moisés (Fábio Potiguar); Balotelli e Leo Bahia. Técnico:

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s